2015-04-12

Agronegócios

Policia Rodoviária Estadual de Mato Grosso do Sul, 
apreende 20 Kg de Cocaína em veículo roubado em Várzea grande.

Neste sábado 18 de abril, por volta das 13:00 horas, Policiais Militares, da Polícia Rodoviária Estadual de Mato Grosso do sul, pertencentes a Base Operacional de Vista Alegre, no
Distrito de Maracaju, abordaram no Trevo de Santa Maria, (Rod 164 KM 034, entroncamento com a rodovia MS 462), um veículo Renault Sandero de cor vermelho, placa OBS 1188 de Cuiabá-MT, em abordagem de rotina. Durante a abordagem, os policiais perceberam um certo nervosismo do condutor  Fernando do Nascimento Gabriel, 30 anos, natural de Brasília. Diante da atitude suspeita do motorista, os policiais decidiram fazer uma revista mais detalhada no veículo. onde foi constatado que havia um fundo falso no porta malas, e foram localizados neste compartimento 25 tabletes de tamanhos diferentes, de substância análoga a pasta base de cocaína, totalizando aproximadamente 20 quilos .
A droga estaria avaliada em mais de R$ 200 Mil reais, segundo informou um policial. 


O condutor informou aos policiais que teria pego o carro com a droga em Ponta Porã- MS, e que receberia R$ 5.000,00, para levar até Goiânia-GO. 
 Ainda foi constatado pelos policiais que o veículo estava com placa clonada, e que era produto de roubo e sua placa original é OAX-6594, de Várzea Grande - MT. 
 Diante dos fatos o Suspeito foi conduzido juntamente com o veículo e a droga para a Delegacia de Polícia Civil de Maracaju.


Parabéns aos policiais Militares da polícia Rodoviária Estadual de MS, por apreender mais esta carga que certamente iria trazer muita destruição nas vidas de muitas pessoas. "Pois quando a Droga entra pela porta a felicidade sai pela janela", e uma mãe chora a perda de um filho que ainda está vivo.





Polícia Civil apreende 200 cabeças de Gado furtadas de Jangada.

Fonte Assessoria PJC/MT
Aproximadamente 200 cabeças de gado foram apreendidas em uma ação da Polícia Judiciária Civil, na sexta-feira (17.04), em Jangada (80 km ao Norte). Na operação deflagrada por policiais civis das Delegacias de Nobres, Rosário Oeste e Jangada, o acusado Julio José da Costa, conhecido como “Augustinho” foi preso em flagrante pelo crime de receptação.
Em dois dias de ação, policiais realizaram diligências em algumas fazendas da região a procura de gados furtados de outras propriedades. Em uma das propriedades do acusado, no município de Jangada, os investigadores conseguiram localizar aproximadamente 200 cabeças de gado furtadas, além de inúmeros instrumentos utilizados para remarcar as reses.
Ao chegarem à fazenda, policiais localizaram 12 reses apreendidas no curral e em ainda no local apreenderam um caminhão que havia transportado 20 cabeças de gado momentos antes. O transporte teria sido feito pelo irmão do acusado, que ao perceber a presença da polícia entrou no mato e fugiu. A motocicleta do suspeito foi apreendida.
Ainda durante as diligências, outra pessoa responsável pelo transporte de pelo menos 30 cabeças de gado para propriedade foi identificada e localizada pela equipe de investigadores.
De acordo com o delegado Fernando Fleury, muitas das cabeças de gado apreendidas na propriedade já apresentavam remarcação.  Das 200 reses apreendidas, 32 já foram reconhecidas por duas vítimas que tiveram gado furtado no final de semana passado.
Participaram da operação os policiais civis, Ribeiro, Benedito, Benedito Rondon, Laurindo e Ivan, coordenados pelo delegado Fernando Fleury.

 Parabéns aos Investigadores da Polícia Civil, que conseguiram realizar mais um belo trabalho. 

 Casal Morre e três ficam feridos após veículo atropelar capivara em MT

Fonte G1/MT

Caminhonete atropelou capivara, capotou e ocupantes foram arremessados.
Duas das 3 crianças são filhas do casal que faleceu no acidente na BR-070.



 Segundo o G1-MT, um casal morreu e três crianças ficaram feridas na noite desta sexta-feira (17) depois de um acidente na BR-070, na região de Cáceres, a 220 km de Cuiabá. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), todas as vítimas estavam em uma caminhonete que capotou na rodovia depois de atropelar uma capivara.
O acidente foi registrado por volta de 19h30 [horário de Mato Grosso], no km 773 da BR-070,  próximo a localidade do Limão. A família seria de Minas Gerais e estaria morando há pouco tempo em uma fazenda em Cáceres. Segundo a PRF, um homem de 35 anos conduzia uma caminhonete cabine dupla entre a zona rural de Cáceres para a cidade.
Foto PRF Cáceres
A esposa dele, de 32 anos, estava na frente, como passageira. No banco traseiro estavam uma menina de 13 anos e um menino, de 4, que são filhos do casal. Uma criança de 11 anos, filha do funcionário da fazenda, também estava na caminhonete.
Conforme os policiais rodoviários, o motorista possivelmente estaria em alta velocidade e atropelou uma capivara que atravessava a rodovia. O fazendeiro perdeu o controle da direção, tombou o veículo e capotou por diversas vezes, indo parar a 100 metros em uma lagoa às margens da rodovia.
Segundo a PRF, todos os ocupantes, com exceção da criança de 4 anos que estava presa na cadeirinha de segurança, foram arremessados do veículo. A suspeita é que nenhum dos passageiros, nem o motorista, usavam cinto de segurança. As crianças foram socorridas e encaminhadas em estado grave ao Hospital Regional de Cáceres.

 Força Tática estoura a boca do "Neguinho" e leva
 mais dois com ele, em Mirassol D´oeste.


 Na madrugada desta sexta feira, 17 de abril. uma equipe de policiais Militares da Força Tática durante rondas ostensivas, pelo bairro Jardim São Paulo em Mirassol D´oeste, visualizou três indivíduos que estavam em frente a uma casa, e que um deles conhecido por "Neguinho"correu pra dentro de casa. Os policiais perceberam que o mesmo estava  com uma sacola nas mãos, e de imediato acompanharam o Suspeito e viram quando o ele jogou a referida sacola na lixeira do banheiro. 


Os policiais revistaram a lixeira e dentro da sacola plástica foram encontradas uma trouxa com substância análoga a pasta base de cocaína e várias cabecinhas ( trouxinhas) que estavam embaladas, em quantidades prontas pra comercialização. Durante a revista feita pelos policiais na residência foram encontradas 6 munições de calibre 22, intactas, que o indivíduo de alcunha "Neguinho" dono da casa, afirmou que era dele, e que a  aproximadamente comercializa drogas naquele local. não foi localizada nenhuma arma no local. Também foi apreendido certa quantidade de dinheiro, e materiais pra embalar a droga para ser comercializada.
  Os outros dois indivíduos que estavam com ele na calçada da casa foram identificados como Valdemir e Ronaldo, e alagaram ser usuários de drogas, e estariam no local pra comprar. 

Os Suspeitos foram conduzidos pelos policiais para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil, onde responderão pelos seus atos.



 Parabéns aos Policiais Militares, por este trabalho, realizado em Mirassol D´oeste.

PRF, apreende 45 kg de drogas em ônibus da Saúde.

O ônibus transporta doentes pra capital do Estado, levava também a droga que destrói vidas de famílias inteiras.

A apreensão ocorreu na madrugada desta sexta feita 17, por volta das 3;30 hs no Posto de Fiscalização da PRF, no BR 070, no KM 635, Foi abordado o  ônibus, Agrale/ Marcopólo Ideale R, Placa QBL-7967 de São José dos IV Marcos, pertencente ao Consórcio Intermunicipal de Saúde do Oeste de Mato Grosso.

 Durante a revista foi localizado no bagageiro do ônibus duas sacolas contendo 45 KG de substância análoga a pasta base de cocaína.Foi constatado pelos policiais que o proprietário da droga era o motorista do veículo. de F.C. R. 
 A droga e o veículo foram conduzidos a Delegacia de Polícia , onde ficará a disposição da justiça pra responder pelo seus atos.

Parabéns aos Policiais da PRF, do  Posto de Fiscalização do 120, 
 que estão trabalhando muito e realizando um excelente trabalho.
 Das 6 pessoas mortas em Chacina no Ceará,  5 são da mesma família.


 Segundo  o G1 uma chacina teria ocorrido no Ceará, no município de Sobral, na noite de terça feira , 14 de Abril. onde 6 pessoas foram executadas covardemente. O fato teria sido cometido por três indivíduos que teriam chegado de carro.  No local os criminosos teriam abordado as vítimas na calçada em frente a casa , e após renderem todos, os mesmos foram colocados pra dentro da casa. Onde teriam amarrado as vítimas ( com o uso de braçadeiras de plástico). dois dos criminosos saíram com a dona da casa Maria de Jesus da Silva de 53 anos e sua filha Patrícia Farias da Silva. em seguida o criminoso que ficou na casa teria executado as quatro vítimas que estavam com ele,
As vítimas foram colocadas no corredor da casa,  e deitadas de bruços uma ao lado das outras, onde receberam tiros nas costas e cabeça. em seguida o criminoso teria saído com o carro.  e ido onde os três mataram as duas mulheres levadas por eles. 

Ceará  agora

Os corpos das quatro vítimas foram encontradas na noite de terça feira mesmo, quando um garoto de 9 anos, filho de Patrícia, retornou pra casa, voltando de um culto, numa igreja próximo a sua casa. de imediato o menino procurou um Pastor e contou  o que ele encontrou em sua casa. onde o referido Pastor acionou a Polícia.
Os corpos das duas Vitimas,  foram encontrados na manhã desta quarta feira 15 de abril, as margens da rodovia que liga os municípios de Coreaú e Alcântara,  distante a aproximadamente 374 KM da Capital Fortaleza.
foto Web Fronteira Alerta

Das seis pessoas executadas, 5 moravam na casa, e uma era vizinho. Foram identificados os corpos de todas as vítimas, sendo; Emily Faria de 15 anos, filha de Patrícia, seu namorado Geovane Nascimento,  Aureliano da Silva Ribeiro, A mãe de Emily  Patrícia de Farias da Silva, de 30 anos e a avó de Emily Maria de Jesus da Silva, de 53 anos. a outra vítima foi identificado como Benedito Gomes da Silva,   ao que parece estaria no lugar e na hora errada.
 A polícia trabalha com várias hipóteses, para o crime , uma delas seria devido Patrícia responder por  por tráfico de drogas, e que talvez este crime possa estar relacionado com algum acerto de contas, ou queima de arquivo.
 A polícia começou nesta quinta feira a ouvir parentes, vizinhos dando continuidade as investigações que se iniciaram logo após ser comunicada do crime.



O tal do bandido tem sorte e parece ter sete vidas.
Fonte WhatsApp

  Após um assalto ocorrido na casa de uma família em Sorriso na noite de ontem, dia 15 de abril.  Ocorrência que os criminosos foram muito violentos e feriram até uma das vítimas,de 50 anos de idade,  que residem na casa.pessoa com um tiro na mão. foram realizadas buscas más a polícia durante toda a noite não conseguiu mais informações a respeito do veículo, uma caminhonete Hilux de cor branca placa OVI- 2063, de Sorriso-MT. Durante a madrugada Policiais rodoviários Federais =localizaram o veículo, que estava as margens da BR 364,  no Município de Diamantino. 
 Segundo a PRF, o veículo teria capotado, e teria ficado bem danificado. Porém mesmo com o estado de destruição em que o veículo ficou, não foi localizado nenhum ferido no local.
PRF do Paraná  apreende armas que seriam levadas para o São Paulo.

Na manhã desta quarta feira 15 de abril, na cidade de Guaíra-PR, fronteira com o Paraguai, Policiais da Polícia Rodoviária Federal, conseguiram fazer uma grande apreensão de armar e munições. O fato correu durante abordagem de rotina, n Posto de da PRF, na Ponte Ayrton Senna, quando os policiais abordaram uma caminhonete GM S-10 de cor preta com placas de Baurú, interior de São Paulo. No veículo estavam dois homens, sendo o motorista de 43 anos e um passageiro de de 32. 
Durante a vistoria do veículo, nos estribos laterais, foram encontradas muitas munições e carregadores, que totalizaram 42 caixa. sendo 40 caixas calibre 9mm, e duas calibres .40. 


 Dentro do veículo, escondidos por banco de um console, entre dos bancos dianteiros, foram encontrados 33 carregadores de pistolas, e 16 pistolas sendo 13 Glocks 9m.m, 2 Bersa 9mm e 1 Glock .40. 


Segundo informou um policial, os Suspeitos informaram que estavam levando as armas pra São Paulo, e que receberiam R$ 20 mil Reais pelo serviço. 

Ambos foram presos e encaminhados a Polícia federal onde responderão pelos seus atos.

 Parabéns aos Policiais da Polícia Rodoviária Federal que impediram que estas armas chegassem as mãos de criminosos.
Mais um avião roubado em Mato grosso, por criminosos, 
que possivelmente será utilizado em tráfico de drogas.

 Na tarde desta quarta feira 15 de abril, em Sinop, uma quadrilha formada por quatro criminosos, roubaram um avião Cesna Modelo 206, Prefixo PR-NFE O crime ocorreu num aeroclube particular, que fica as margens da rodovia MT 140, que liga Sinop a  Santa Carmem, na cidade de Sinop. Quatro criminosos, chegaram ao local numa caminhonete e renderam 2 pedreiros que trabalhavam no local, e o piloto, que abastecia o avião. 
foto arquivo pessoal do proprietário.
 Os criminosos exigiram que o piloto repassasse aos mesmos algumas instruções de como pilotar o referido aparelho. Em seguida, já com o avião abastecido, colocaram mais alguns galões com combustível pra reabastecer, dentro do avião, e decolaram . Dois criminosos, ficaram com as vítimas, que foram colocadas no veículo, e foram levadas para uma estrada , onde foram deixadas dentro de uma plantação de milho, no Alto da Glória, saída pra Sorriso, a mais de 7 KM do local do roubo.  O tanque deste modelo de avião tem autonomia para 4 horas de voo, e é um dos modelos preferidos por quadrilhas especializadas em tráfico de drogas.

 A polícia federal está investigando o caso, por haver suspeita de envolvimento de uma quadrilha internacional de drogas. 

 Fonte Só notícias

Já passou da hora de termos uma Base Aérea  na fronteira de Mato Grosso. São mais de setecentos Kilometros de fronteira. 

Polícia Militar do Ceará apreende avião que teria saído de 
Mato grosso com quase 400 Quilos de drogas.



Segundo o G1, o fato aconteceu durante a tarde e noite desta terça feira,14 de abril,  quando moradores do Município Boa Viagem, informaram a polícia que um avião estaria sobrevoando a região, onde existem algumas pistas clandestinas.  A Polícia Militar passou a realizar rondas pelo local.  No bairro de Fátima os policiais constataram que o avião teria feito um pouso, numa pista, no local foi preso o indivíduo  Antônio Batista Lima Júnior,  de 28 anos,conduzia um Fiat, modelo Doblô, com placas de Ipojuca, no Estado do Pernambuco, e foi detido quando o avião decolava, e no  interior havia uma mala com 30KG de Crack, que lhe teria sido repassada pelos ocupantes do avião, que já havia decolado. O indivíduo foi conduzido para a delegacia de  Boa Viagem- CE.

  



 Os policiais continuaram as buscas, e em outra pista já no município de Canindé, os policiais conseguiram localizar o avião Cesna Prefixo Cesna-210, modelo Centurion 2, prefixo PP-FFU, que teria feito um pouso de emergência por falta de combustível.
Foto TV Jangadeiro/Antônio Silva
 Dentro do avião foram encontradas 7 malas carregadas com aproximadamente 50 quilos de drogas, uma pistola calibre 380 municiada, R$ 6.100,00, e equipamentos de eletrônicos para Bloquear sinais de rastreamento, via satélite.
Foto Ceará agora
Durante as diligências, foi preso um individuo identificado posteriormente como o Piloto do avião, Cleber Paulo da Silva, que é morador de Cuiabá, Mato grosso, que estaria próximo ao local, 



 De acordo cm informações da polícia o piloto foi preso num restaurante, e com ele havia galões de gasolina. O mesmo informou aos policiais a rota original dentro do Estado do Ceará, que seria fazer um pouso em Boa Viagem e outro em Crateús, porém devido o avião ter ficado sem combustível, o piloto alterou a rota, devido não ser qualquer combustível que serve para abastecer aquele tipo de avião, o piloto teria pousado em Canindé onde sabia que havia o que procurava. No local pagou a duas pessoas ( agricultores da região), para que cuidassem do avião, enquanto ele compraria o combustível. estes indivíduos foram detidos pela polícia Militar no momento que chegaram ao local. os mesmos foram encaminhados a Delegacia e após prestarem esclarecimentos, foram liberados. 

 Este piloto alegou aos policiais que estaria sendo ameaçado por um outro indivíduo que estaria com ele na aeronave, e que tinha fugido em um táxi. O táxi foi localizado, sendo que o taxista também alegou que teria sido ameaçado pelo mesmo indivíduo.
O suspeito é casado com uma controladora de voo da Força Aérea Brasileira (FAB). Silva disse à Polícia que foi forçado a fazer a viagem, porque os supostos criminosos o coagiram, mostrando uma foto em que a esposa dele aparecia sendo sequestrada. A PM negou a versão dele.



O taxista foi preso por dar fuga a uma pessoa procurada, e por dificultar a localização do mesmo, prestando declarações desencontradas. Disse que tinha levado a pessoa para outra cidade quando na verdade teria trazido para a cidade de Fortaleza, disse um oficial da PM do Ceará, que comandou a Operação. segundo o Diário do Nordeste.  
Segundo o Diário do nordeste, a policia  suspeita que este avião pertence a mesma quadrilha de traficantes, que teriam perdido dois comparsas,que teriam morrido, na queda de um outro avião na semana passada, no nordeste, e que também estaria com drogas. na ocasião foi encontrado um pacote com 30  quilos de pasta base de cocaína e várias pessoas foram presas, suspeitas por estarem a procura da do avião para resgatar os companheiros bem como a droga, que estava no avião.   
 A rota que este avião fazia estava descrita num mapa encontrado pelos policiais , e fica claro que tinham duas rotas, sendo que uma saia do Paraguai, passando por Foz do Iguaçu- PR, depois seguia para o Piaui, e posteriormente para o estado do Ceará.
 A segunda rota saia da Bolívia passava por Mato Grosso, Piaui e ia até o Estado do Ceará. Não foi revelada a cidade Mato Grossense que  o avião teria saído.

Este mapa com duas rotas foi encontrado dentro do avião, demostrando duas rotas que os criminosos seguiam, para transportar a droga até o Nordeste.




Conforme informações da Polícia ainda esta quadrilha internacional de drogas seria responsável por grande parte das drogas que abastece o Nordeste. e o caso foi transferido para a Policia Federal dar continuidade nas investigações e demais procedimentos.
 Fontes; Diário do nordeste
              Tribuna do Ceará.
               G-1.com








Derf-VG desarticula quadrilha especializada em roubos no comércio.
Assessoria/PJC-MT
Três integrantes de uma quadrilha acusada envolvimento em assaltos a estabelecimentos comerciais tiveram mandados de prisão cumpridos pela Polícia Judiciária Civil, nesta quarta-feira (15.04), em uma ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG).  
A operação denominada “Verão”, deu cumprimento a 6 ordens judiciais que resultaram na prisão dos suspeitos, Linecker Cesar Zaquemael da Costa, 24, o “Nick”, Everson da Silva, 23, e Thiago da Silva Almeida, 27, o “Cocão”.
As investigações que levaram a prisão dos assaltantes iniciaram após o roubo da loja Moda Verão, no Centro de Várzea Grande, no último dia 11 março. De acordo com o depoimento das vítimas, elas foram abordadas por quatro assaltantes que invadiram o estabelecimento comercial, e em posse de arma de fogo anunciaram o roubo. Os suspeitos exigiam dinheiro e roupas, subtraindo aproximadamente R$ 7,2 mil em mercadorias.
Segundo o delegado, Rodrigo Azem Buchdid, através das imagens do circuito interno de segurança da empresa, em que foi possível visualizar toda a ação da quadrilha e com base nas declarações colhidas, a equipe de investigadores da Derf-VG identificou todos os integrantes da quadrilha, sendo os três dos suspeitos reconhecidos fotograficamente pelas vítimas.
“A quadrilha foi identificada pela análise das imagens, somado ao conhecimento que os policiais possuem das características físicas e comportamentais dos suspeitos, uma vez que eles já têm passagens por crimes contra o patrimônio e por serem alvo de outras investigações da delegacia”, explicou o delegado.
Durante as investigações Linecker e Thiago foram reconhecidos como autores do roubo a uma drogaria, no mês de março, em Cuiabá. “O histórico de passagens dos três suspeitos somado, ultrapassa 10 ocorrências, envolvendo crimes de diversas naturezas” disse Buchdid.
Com base nas investigações, o delegado representou pelo mandado de prisão dos suspeitos, expedidos pela Justiça, e cumpridos nesta quarta-feira (15), na operação deflagrada pela equipe da Derf-VG. As prisões foram realizadas nos Bairros Ponte Nova, Manga e Mapim, em Várzea Grande.
Nas residências dos acusados, foram apreendidos vários objetos produto dos roubos como perfumes, 2 Tv’s tela plana, roupas, calçados, aparelhos celulares e pertences pessoais das vítimas.
Além da ordem judicial deferida dentro das investigações da Derf-VG, Linecker teve mandados de prisão cumpridos expedidos pelas comarcas de São José dos Quatro Marcos e Mirassol D’Oeste pelo crime de roubo qualificado, resultando quatro mandados cumpridos em desfavor do acusado.

Fonte PJ C/MT.

Relembre o caso do roubo a Loja de celulares em São José dos IV marcos.

Imagem da Câmera se segurança de uma loja de celulares roubada em S.J. dos IV Marcos


 Parabéns aos investigadores da Polícia Judiciária Civil pelo brilhante trabalho, tirando de circulação uma quadrilha que estava causando muitos prejuízos e pavor aos comerciantes, de várias cidades.


Polícia Civil Incinera mais de 1,5 tonelada de
drogas nesta quinta 16 de abril.




foto ilustração Web.

Assessoria/PJC-MT 
A Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), da Polícia Judiciária Civil, incinerará mais de 1, 5 tonelada de drogas, às 10 horas desta quinta-feira (16.04), na fornalha da empresa Grupal  Agroindústria, localizada no Distrito Industrial, em Cuiabá.  
Serão destruídos 1.060 quilos de maconha e 521 quilos de cocaína, totalizando 1.581 quilos de drogas apreendidas entre os anos de 2013 e 2014. A apreensão originou 1.321 inquéritos policiais, sendo 761 do ano de 2013 e 560 instaurados em 2014.  
A droga será escoltada por policiais da Delegacia de Entorpecentes e da Gerência de Operações Especiais (Goe). O carregamento sairá da DRE, na Rua Manoel Santos Coimbra, em Cuiabá, até a fornalha da empresa esmagadora de soja, no Distrito Industrial.  
Toda a apreensão foi novamente pesada e será queimada na presença de autoridades  da Segurança, peritos da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e outros convidados.

 Fonte PJM/MT
Policiais de Cáceres recuperam caminhonete roubada em
 Nova Mutum e prendem um dos assaltantes.

O fato se deu através de uma informação repassada por um oficial de Nova Mutum, ao Oficial de Dia no 6º BPM, comunicando o roubo de uma caminhonete Nissan Frontier de cor preta, de placas NTX-7392, da cidade de Nova Mutum- MT. A in informação repassada, a caminhonete teria sido roubada de uma família de Nova mutum,
 Conforme apurou o Fronteira Alerta, este roubo teria sido cometido no bairro Palmeiras, em Nova Mutum, sendo que 4  criminosos teriam invadido a casa da família por volta das 19 horas.  Dois deles estavam armados, e após renderem a família, revirarem a casa toda procurando Jóias e dinheiro, e  alguns objetos foram colocados na caminhonete  e dois criminosos saíram do local, e outros dois permaneceram cuidando  pra que as vítimas não saíssem do local. a permanência dos bandidos durou por volta de 8 hs, até que um deles recebeu uma ligação, então deixaram o local e tomaram rumo ignorado. 
 A informação do Oficial de nova Mutum repassada também era que o veículo estava sendo rastreado, e que sua localização estava dando como referência, a cidade de Cáceres, próximo a Vila Real, bairro da periferia de Cáceres. Várias Guarnições foram informadas, e durante as diligências, uma das Viaturas passando pela Avenida N.S. do Carmo, no  Bairro do Junco, bairro vizinho ao Vila Real, conseguiu localizar o veículo, que estava num lava-jato. Os policiais checaram e constataram que era o veículo procurado, e ao verificarem no seu interior, foi encontrado alguns objetos pertencentes a vítima, e também uma folha de cheque preenchido no valor de 13 mil Reais. O proprietário do Lava-jato informou que um indivíduo aparentando 30 anos havia deixado a caminhonete pra lavar e que voltaria mais tarde pra buscar. 


O veículo foi encaminhado juntamente com o proprietário do Lava-jato pro Cisc, onde o mesmo prestou esclarecimentos.
 A polícia Civil dando prosseguimento a investigação , solicitou a empresa de rastreamento, os últimos locai onde a caminhonete teria passado. Diante das informações os policiais saíram e diligências , e no bairro Vila Real, se depararam com dois indivíduos, na rua, sendo que um deles a ver os policiais , empreendeu fuga, e conseguiu foragir do local . o outro assumiu a participação dele e de seu comparsa que fugiu. O suspeito preso é o Indivíduo Juan Luiz da Silva Pego, que é de Várzea Grande.
 Sendo que  mesmo  informou aos policiais , que seu comparsa de nome Aroldo de Tal, também teria participado do roubo, e que as armas utilizadas, um revolver e uma pistola ficaram em Nova Mutum com os outros dois Suspeitos que ficaram tomando conta das famílias. O Suspeito preso e o outro foragido foram reconhecido pelas vítimas, por serem autores do roubo, e também foram reconhecidas  as roupas que os mesmos utilizaram durante o crime. que foram apreendidas.em outro local. 


 O Suspeito Juan , também foi conduzido para o Cisc aonde ficará a disposição da Justiça pra esclarecer os fatos e responder pelos seus atos.


 Parabéns ao Policiais Militares do 6º BPM de Cáceres, e parabéns aos Policias da Delegacia de Polícia Judiciária Civil de Cáceres. pelo brilhante trabalho.  
P.R.F. e PM aprendem aproximadamente 20 KG de pasta base
 de cocaína em Primavera do Leste.

A apreensão se deu quando Policiais da Polícia Rodoviária Federal em conjunto com Policiais Militares abordaram um veículo no Posto de fiscalização da PRF, na BR 070, na madrugada desta terça feira 14 de abril.  Veículo este um Fiat Strada de cor branca, placa MTV-0979, de São Gabriel da Palha- ES. 

  No veículo estava um homem e uma mulher, sendo que os policiais perceberam um certo nervosismo do condutor, e fizeram uma revista mais detalhada, sendo que na carroceria do veículo estavam escondidas num local preparado pelos traficantes. 


Conhecido popularmente por " mocó".  Deste local os policiais retiraram 19 envólucros, de diferentes tamanhos, contendo substância análoga a pasta base de cocaína.

 O condutor informou que teria pego a droga no Estado de Rondônia e iria para o Espirito Santo. 
 Os Suspeitos foram conduzidos juntamente com a Droga e o veículo apreendidos para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil em Primavera do Leste, onde ficarão a disposição da Justiça para responderem por seus atos.

 Parabéns aos Policiais da Polícia Rodoviária Federal e aos policiais da Polícia Militar do Estado de Mato grosso, pelo brilhante trabalho, que realizaram juntos. Demostrando total sintonia e dedicação no combate ao crime.

PRF de Pontes e Lacerda, Recupera dois
 veículos na tarde desta 2ª feira.

Na tarde desta segunda feira, 13 de abril, policiais da PRF de Pontes e Lacerda, conseguiram recuperar 2 veículos, roubados e que estavam sendo levados por três suspeitos. A ocorrência se deu quando os veículos passavam pelo Posto de Fiscalização da PRF, na BR - 174, em Pontes e Lacerda.  Quando os policiais numa abordagem de rotina  pararam um veículo GM- Onix de cor branca placa EPV-1953 da cidade de Mogi das Cruzes SP.



  Também um GM Montana de cor preta placa EYC-6578, também da cidade de  Mogi das Cruzes-SP. 
Os Suspeitos informaram aos policiais que estavam indo de São Paulo para a cidade de Buritis em Rondônia.  

Clones de Placas.
Os veículos eram clones de placas, ou seja, pra tentar burlar a fiscalização e também contando com a displicência ou despreparo de profissionais na área da segurança Pública, principalmente no setor de fiscalização de trânsito e de veículos. Os criminosos, se utilizam de dados de outros veículos que estão em situação legal, com as mesmas características, e colocam placas com as mesmas letras e números no veículo de origem ilícita, que eles pretendam levar pra algum lugar.  Fato que não aconteceu, pois os Policiais da PRF de Pontes e Lacerda demostraram mais uma vez que estão preparados pra desmontar este tipo de golpe, que muitos já utilizaram, pra tentar levar carros roubados ou furtados, para a Bolívia, e que na maioria das vezes servem de moeda de troca pra os traficantes comprarem drogas, e trazerem pro Brasil. 
Foi averiguado também pelos policiais que um dos documentos de CRLV ( Certificado de Registro de Licenciamento de Veículos), era furtado no Estado do Tocantins. 
 Os Suspeitos foram conduzidos juntamente com os veículos para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil de Pontes e Lacerda, onde responderão pelos seus atos.
   Parabéns aos policiais de Pontes e Lacerda
 por mais este brilhante trabalho.


Polícia Civil  de Barra do Bugres, prende 
autor de roubo em Cuiabá.



Fonte P.J.C. MT. 
Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso

Um assaltante de alta periculosidade foi preso, pela Polícia Judiciária Civil, na noite de sexta-feira (10.04), em Cuiabá. A ação da Delegacia de Barra do Bugres (168 km a Médio-Norte) e apoio dos policiais civis da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), prendeu Jonathan Alves da Silva, 28, que estava com a prisão preventiva decretada pelos crimes de roubo e associação criminosa.
O acusado foi preso em uma residência no bairro CPA III, em Cuiabá. Conforme apurado, Jonathan e mais dois outros suspeitos praticaram um roubo no dia 10 de fevereiro deste ano, na cidade de Barra do Bugres.
Foto Fronteira alerta- /P.J.C.

O assalto aconteceu no horário de almoço em uma loja de móveis e eletrodomésticos. Três homens fortemente armados renderam todos os funcionários e clientes do estabelecimento, e roubaram diversos aparelhos celulares, tabletes e notebooks.
Logo após o crime os policiais civis de Barra do Bugres iniciaram diligências para elucidar o caso. Durante as investigações, Jonathan foi identificado como organizador e coordenador de toda a ação criminosa. Com as provas e indícios de autoria, o acusado teve o mandado de prisão representado pelo delegado de polícia João Paulo Praisner, e deferido pela juíza de direito da comarca local.
Diante da ordem judicial, policiais civis conseguiram informações que o procurado estaria em Cuiabá, e com apoio da equipe do GCCO lograram êxito efetuando a prisão do procurado.
Conforme o delegado João Paulo Praisner, após ser preso Jonathan confessou o roubo no município de Barra do Bugres, além de contar que havia efetuado outros roubos na semana passada, em uma clínica médica, em uma distribuidora de bebidas, todos na região de Cuiabá, agindo sempre no horário de almoço.
Durante interrogatório, o preso demonstrou frieza ao relatar a prática rotineira, de crimes mediante ameaça e uso de arma de fogo. Em seguida ele foi apresentado a Gerência de Polinter, para andamento do trâmite processual.



Parabéns aos nobres policiais que compõem a equipe de Investigadores da Delegacia de Polícia Judiciária Civil de Barra do Bugres, pelo excelente trabalho realizado

Traficante tenta escapar da PRF, bate carro e vai preso 
com veículo recheado com 203 KG de drogas.
 Um indivíduo de 20 anos foi preso neste domingo,  em Céu Azul- PR, pela Polícia Rodoviária Federal, com 203 quilos de maconha. 
o fato se iniciou na  BR 277 no Posto de Fiscalização da PRF,  quando o jovem que conduzia um veículo GM Celta, de cor branca, e não obedeceu a ordem de parada dada pelos policias. O mesmo tentou evadir-se, com o veículo saindo em alta velocidade, sendo que foi acompanhado por uma equipe de policiais . durante o acompanhamento, no KM 632 da BR 277, o suspeito perdeu o controle do veículo e chocou-se contra um alambrado, na beira da pista.


O indivíduo ainda tentou fugir, saindo do veículo correndo. porém os policiais rodoviários Federais, conseguiram alcança-lo e retornar para  veículo, onde foi encontrada a droga. De imediato os policiais deram voz de prisão ao mesmo, que juntamente com o veículo foi encaminhado ao Posto de Fiscalização da PRF, onde ele havia furado o bloqueio. No local os policiais fizeram a vistoria do veículo e retiraram 307 tabletes de substancia análoga a maconha. 

Segundo informações da Policia o Suspeito reside em Foz do Iguaçu-PR e estaria levando a droga para a cidade de Curitiba. 


 O mesmo juntamente com a droga e o veículo foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Matelândia- PR, onde responderá pelos seus atos.
Veja vídeo; fonte PRF;






Fonte; PRF Parana

Na cidade de Ouro Preto D´oeste, Agentes Penitenciários interceptam freezer recheado de aparelhos celulares.


 

Segundo o Site Comando 190, o fato teria ocorrido na manhã de sexta feira, dia 10 de abril, quando o dono de uma oficina de refrigeração chegou a penitenciária , com um para freezer  entregar. Indagado pelos agentes penitenciários quem teria deixado, na oficina, o indivíduo informou que se trata de um homem desconhecido do mesmo, que havia deixado o freezer pra concertar , e que após a realização dos reparos , era pra ser entregue no presídio. Sendo que o pagamento do conserto teria sido pago adiantado pelo tal homem.

Os agentes desconfiaram  da tal entrega e foram verificar minunciosamente o freezer, e logo constataram algumas modificações na laterais. ao abrirem constataram que se tratava de uma encomenda recheada com vários modelos de celulares, de várias marcas, inclusive smartphnes com acesso a internet, além de chip´s e carregadores.





Fonte; Comando 190.


 Se estes indivíduos usassem sua criatividade pro bem, o país com tanta deficiência de boas idéias, 
seria muito melhor.

" Estado deixa de lado a Segurança Pública de Joinvile- SC", diz Juíza.



Titular da 1ª Vara Criminal de Joinville há quase três anos, Karen Francis Schubert Reimer critica o desequilíbrio entre as estruturas do Poder Judiciário em Joinville e na Capital

Foto Léo Munhoz- Agência RBS
Roelton Maciel
Há quase três anos, quem bate o martelo ao decidir as sentenças dos acusados de homicídio e tentativa de homicídio em Joinville é a juíza Karen Francis Schubert Reimer, titular da 1ª Vara Criminal da cidade, onde são julgados os chamados crimes contra a vida. Desde maio de 2012, mais de 160 sessões de júri popular foram decididas com a participação da magistrada.

Hoje, outros quase 280 processos que ainda podem ir a júri são mantidos aos cuidados dela. Além de uma pilha com mais 1,7 mil ações envolvendo crimes de outra natureza, que dividem as atenções em seu gabinete. Diante de uma demanda crescente na esfera criminal, a juíza é categórica ao afirmar que Joinville precisaria ter, pelo menos, o dobro de juízes.

A mais populosa cidade de SC, compara, conta com 28 magistrados, enquanto Florianópolis tem 68 juízes em atuação. Crítica quanto à atenção do Estado para Joinville no que diz respeito à segurança pública, Karen entende que a cidade está “deixada de lado”.

Numa conversa de cerca de uma hora com a reportagem de “A Notícia”, a magistrada ainda falou sobre o recorde recente de homicídios, impunidade, eficiência das leis e maioridade penal. Também apontou guerra entre facções na cidade e fez o alerta: se nada for feito, a tendência é piorar.

A Notícia – O Estado deixa a desejar quanto ao aparato policial em Joinville?
Karen
 – Totalmente. Na Capital, o efetivo da Polícia Civil é maior do que o efetivo das polícias Civil e Militar juntas em Joinville. A gente não tem como lidar com a segurança pública sendo tratado de forma tão desigual. Esse é um dos grandes motivos da criminalidade. As penas têm de ser severas, mas o que faz diminuir a criminalidade não é a severidade da pena e, sim, a certeza da punição. Quando há a certeza da impunição ou quase certeza, a impunidade gera uma criminalidade desenfreada. Tenho convicção de que o fato de a segurança pública em Joinville ser deixada de lado pelo governo do Estado é um dos fatores que aumentam a criminalidade.
Papel do EstadoOutro fator é não conseguir cumprir a legislação porque o Estado não cumpre a parte dele. Mandamos prender, mas não controlamos o presídio, nem a penitenciária. Eles não constroem presídios, penitenciárias, locais para o preso trabalhar. O Judiciário não tem como fazer a parte dele. A maioria dos presos faz questão de trabalhar, até porque se ganha a remissão. Só que o Estado não proporciona isso. Também há um protecionismo muito grande. As leis protegem muito aquele que pratica atos contrários à lei. O devido processo legal é necessário, cumprir a Constituição, também. Digo proteger no sentido de achar brechas para que a pessoa não tenha de cumprir aquilo que é preciso cumprir. Tudo isso para tentar dar uma solução paliativa para a falta de espaço, de condições no presídio.

Direitos humanos

Sou totalmente favorável aos direitos humanos. É indispensável. Só acho que deveriam ser chamados de direitos civis. Toda pessoa que luta pelos direitos humanos deveria lutar pelo devido processo legal e para que as prisões fossem locais onde a pessoa fosse trabalhar, estudar e cumprir a pena de forma decente. Não entendo que direitos humanos seja colocar a pessoa na rua. Nunca recebi um pedido de direitos humanos para melhorar a situação de um preso, sempre para soltar.

AN – A fragilidade do sistema impacta na reincidência?
Karen –
 Diretamente. Temos vários tipos de pessoas que infringem a lei. Algumas delas, se tiverem oportunidade, podem eventualmente sair do mundo do crime. Outras não têm condições, encaram o crime como modo de vida. É uma opção, não uma falta de condição. Dizer que a injustiça social é a causa do crime é a maior injustiça que se comete com os milhões de pobres e honestos. Se isto fosse verdade, não teríamos petrolão. Praticamente todos os estelionatários têm uma boa formação. 

É uma distorção, uma romantização absurda dizer que a criminalidade tem relação com a falta de condições. Pode-se dizer que, no Brasil, a grande maioria dos criminosos é pobre. Sim, porque a grande maioria dos brasileiros é pobre. Tudo é uma proporção. Mas temos as exceções. Aquela criança que não teve nenhuma chance caiu nas drogas muito cedo. Essa pessoa poderia, talvez, ter uma escolha diferente. Essas pessoas, em um ambiente prisional onde fossem estudar, trabalhar, ter tratamento, nesse caso acredito que se recuperam.

Reeducação

Dizer que o único objetivo da pena é reeducar acho até um insulto para o preso. Um preso de 30 anos de idade, que diz ter o crime como profissão, dizer que precisa reeducá-lo é uma ofensa. Na verdade, aquela é uma opção daquela pessoa, ela sabe o preço a pagar se for pega. Se ela souber que as chances de precisar cumprir esse preço são baixas, isso vai estimular a pessoa a praticar mais crimes.

Pena de morte

Até hoje não consegui ser a favor, principalmente por já ser comprovado que não diminui a criminalidade. O que diminui é ter certeza de que será punido. Colocar um radar no sinaleiro é muito mais eficaz do que instituir pena de morte para quem furar o sinal e isto não ser cumprido. No caso do Brasil: saber que, mesmo matando 20 pessoas, o máximo de pena é 30 anos, mas, com todos os benefícios, cai para 15. Isto tem que mudar.

AN – Há casos, mesmo nos júris, em que o réu é condenado, mas continua em liberdade. Como isso contribui para a sensação de impunidade?

Karen
 – Essa é a nossa garantia do devido processo legal. Ainda que eu não concorde com alguma lei, vou cumpri-la porque a minha profissão é cumprir a lei, não fazer a lei. O juiz não tem o direito de julgar diferente da lei quando não concorda, a não ser que a lei seja inconstitucional, algo assim. 

No Brasil, gravidade do crime não é motivo de prisão cautelar. Diz a lei o seguinte: se alguém esquarteja três pessoas hoje, mas tem residência fixa, bons antecedentes e trabalha, isto significa que ela pode ficar solta. Porque, na nossa lei, a prisão é uma garantia para o processo, para que chegue ao fim. A gravidade não é motivo, sozinha, para a decretação da prisão. Isto para o flagrante. Imagina, então, alguém que já responda em liberdade e você ter de prender ao final? No nosso sistema, você só é considerado culpado depois do trânsito em julgado da decisão. Há recursos e mais recursos, isto pode levar anos.

Debate
Se a população não concorda com algumas considerações da nossa lei, isto deveria ser objeto de debate e ser levado ao Legislativo. Não existe esse debate com a sociedade de qual tipo de sociedade queremos ter. Hoje, temos uma sociedade muito permissiva em relação ao cometimento de crimes e à punição desses crimes.

AN – Há momentos em que o magistrado se sente impotente?
Karen
 – Todos que trabalham com a Justiça, seja de um lado ou de outro, em algum momento sente o conflito entre o seu convencimento pessoal e o que a legislação diz. Entendo que, se aquela legislação for constitucional, eu não tenho o direito de não aplicá-la. Não é o meu pensamento que tem de prevalecer sobre a lei. Temos algumas penas adequadas, que não precisam ser aumentadas, legislações que são boas. Não fico em conflito o tempo inteiro. Temos boas leis, o problema é que elas não são cumpridas. Nossos problemas são de estrutura, de pessoal. Principalmente da parte do Executivo.

Comparativo

Joinville tem 28 juízes, titulares e substitutos. A Capital tem 68. Aqui, a 1ª Vara Criminal, que é privativa do júri, mas não exclusiva, tem 1.996 processos, dos quais 278 são do júri. Na Capital, a vara é exclusiva do júri e tem 170 processos. Como que a gente pode prestar um trabalho com a qualidade que se espera? Temos a mesma quantidade de juízes que Tubarão, Lages. Isto é histórico. Joinville sempre foi deixada de lado pelo Estado em todos os órgãos. O cível é abandonado, o criminal é abandonado. A gente acaba enxugando gelo, com quase um terço do efetivo. Joinville precisaria do dobro de juízes. E qualquer vara nova que venha tem de ser cível. Lá, a demanda é maior. Mas temos demanda para uma vara privativa do júri, mas é um sonho que duvido que será realizado.

AN – A senhora tem preocupação particular com a imagem das corporações policiais.
Karen
 – A polícia é a profissão que põe a vida em risco. Existe corrupção? Existe, assim como em todos os meios. Mas parece que, no Brasil, existe uma tendência de só dar importância ao policial quando ele faz algo errado. Não se veem homenagens, uma comunidade aplaudindo o trabalho policial. Vejo com preocupação a tendência de pegar um policial ruim e jogar essa imagem para toda uma corporação extremamente dedicada, que trabalha sem estrutura, com efetivo absurdamente abaixo do ideal. E colocam o peito na rua para defender a população, em troca da falta de reconhecimento e de um salário baixo. Temos que aprender a valorizar nossos heróis.
AN – Joinville alcançou um recorde de homicídios no ano passado, que pode ser superado neste ano. Como a senhora avalia os números?
Karen
 – Há uma ligação direta com a sensação de impunidade. Não temos efetivo policial para investigar ou para colocar na rua e prender. Eles (criminosos) sabem disso, é um incentivo ao crime. Se tivéssemos três vezes mais policiais, duvido que tivéssemos esses números. Se tivéssemos a quantidade de policiais que Florianópolis tem nas ruas, não teríamos esses números. Está diretamente ligado ao fato de Joinville estar totalmente deixada de lado no quesito segurança pública. E a tendência é piorar.

AN – Qual o perfil de quem pratica homicídio em Joinville?
Karen
 – Parece que são levas. Cada ano muda o perfil da maioria. A maior parte é vinculada às drogas, isso não muda. Ano passado foi o ano da Maria da Penha. Tivemos um número absurdo de homicídios e tentativas, também de mulheres tentando matar o marido. Neste ano, estamos com uma guerra de facções. As organizações criminosas estão liderando a maioria dos crimes. A criminalidade havia baixado dois anos atrás no Jardim Paraíso porque havia um trabalho de segurança pública naquele local. Depois, isto foi deixado de lado e a criminalidade está voltando.

AN – Como o Judiciário pode dar conta de tantos casos?
Karen
 – Vou continuar batalhando para dar conta, nunca usei o excesso de trabalho como desculpa. Mas talvez alguém tenha que fazer alguma coisa. Se a polícia conseguisse investigar todos os crimes cometidos, não faço ideia do que poderia acontecer com o Judiciário. O trabalho policial é excepcionalmente bem-feito considerando as condições de trabalho. O caso Vitória Schier (adolescente estuprada e morta), por exemplo, teve um trabalho fenomenal, dá para escrever um livro. Há outros casos em que se poderia identificar a autoria se houvesse equipamentos, um banco de dados de DNA, de digitais, o que se vê em filmes.

Câmeras

Coloquem câmeras de segurança. As pessoas estão passando a ser condenadas a partir de imagens das câmeras. A partir do momento em que há condenações com essa prova, eles (criminosos) vão passar a tomar cuidado para não agir onde há câmeras. Desvendamos muito crimes com câmeras.
AN – Qual a sua avaliação quanto à redução da maioridade penal?
Karen
 – Continuo achando que a solução não é diminuir a maioridade. Não acho que colocar esses rapazes de 16 anos, ainda que criminosos, junto do pessoal experiente seja benéfico para a sociedade. O que tem de mudar é o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). É preciso tratar de forma diferenciada os crimes graves dos que não são. Os adolescentes que são abusados, sem possibilidades, daquele que é psicopata. Tem que existir um tratamento diferenciado para os jovens que cometem crimes graves. É preciso mudar o ECA, não o Código Penal. Hoje, no Parana guamirim, crianças de oito a nove anos estão vendendo drogas. Começou a se aplicar mais medidas restritivas aos adolescentes. Aí, agora estão pegando quem não responde mesmo, as crianças. Então, diminuir a maioridade não vai diminuir a criminalidade. Mas se o ECA fosse cumprido à risca, também não seria esse absurdo que acontece hoje.

 Matéria publicada na integra- Fonte A Noticia

Postagens mais visitadas

Seguir pelo email

Arquivo do blog