PM prende 5 voltando de pescaria com petrechos proibidos, mais de 100 kg de peixes e ainda um tatu, em Araguaiana



 PM PRENDE 5 VOLTANDO DE PESCARIA, COM PETRECHOS PROIBIDOS, MAIS DE 100 KG DE PEIXES E AINDA UM TATU, EM ARAGUAIANA.


 Os policiais realizavam blitz para coibir prática de crimes e visualizaram uma caminhonete rebocando a outra onde foram apreendidos materiais predatórios, o pescado  e o tatu.


Foto: Polícia Militar/ed F.A.



 Podemos dizer que cinco indivíduos entraram literalmente com o pé esquerdo no mês de junho, ao serem flagrados com petrechos de pesca predatória, pescado e ainda uma animal silvestre abatido.


 Policiais Militares realizavam uma blitz na rodovia MT-100, na saída da cidade de Araguaiana para a cidade de Cocalinho quando avistaram duas caminhonetes, sendo que uma rebocava outra, que apresentava problemas mecânicos.

Os veículos uma L-200 prata e uma S-10 cabine simples de cor branca foram vistas seguindo por uma estrada vicinal, sentido povoado de Cachoeira Grande, onde foi feito o acompanhamento e a abordagem.

Foto: Polícia Militar/ed F.A.

 Durante os trabalhos foram identificados cinco ocupantes nos veículos e durante a vistoria foram encontrados dois motores de Popa, 11 varas de pesca, duas redes de pesca predatória, 1 tarrafa,  três espinheis ( usado para pesca predatória), duas baterias de veículos, quatro caixas de isopores e ainda 119 kg de diversas espécies de peixes e ainda um tatu.

Foto: Polícia Militar/ed F.A.
 Devido o material predatório e ainda o animal silvestre encontrado no veículo os quatro foram conduzidos para a delegacia de polícia juntamente com todo o material apreendido, onde outras providências foram tomadas
Foto: Polícia Militar/ed F.A.

As prisões foram realizadas em consequência de seus atos na pesca com materiais predatórios, além de estarem com um animal silvestre  abatido. 


Foto: Polícia Militar/ed F.A.
 Deixando bem claro que a culpa das prisões foi dos homens presos e não do Tatu.

Comentários