Agronegócios



 PM DE MIRASSOL D´OESTE ESTOURA BOCA DE FUMO DE REDUCANDA, MONITORADA POR TORNOZELEIRA ELETRÔNICA

 Durante a vistoria em sua residência a mesma correu e tentou esconder uma porção de droga, ao lado um bebê de apenas 20 dias  de nascido, sendo outros papelotes foram encontrados dentro do roupeiro
Foto: Ass Com  17º BPM


 O fato ocorreu na madrugada e desta terça-feira dia 24, por volta de 01:40 hs, quando Policiais Militares no 17º BPM, realizavam policiamento ostensivo pela Rua Oito, no bairro Jardim São Paulo, em Mirassol D´oeste cidade distante a cerca de 300
 Km a oeste da capital Cuiabá.


Ao fazerem policiamento próximo a boca de fumo da "Eide", conhecido o ponto de vendas de entorpecentes, que já é investigado pelas autoridades, os militares avistaram um indivíduo que com aproximação da viatura empreendeu fuga.

 O suspeito pulou o muro para dentro da residência  e posteriormente pulou para outros quintais conseguindo empreender fuga.

 Os militares que adentraram no quintal da residência acompanhando o suspeito, visualizaram uma mulher identificada como E.C.G.A, de 32 anos ( dona da casa), que estava sentada na varanda.
Ao ver a chegada dos Policiais a mulher imediatamente adentrou na residência,  trancando a porta, sendo observado que a mesma utilizava uma tornozeleira eletrônica de monitoramento, equipamento de monitoramento do Sistema Prisional.

Foi realizada uma vistoria preliminar na varanda, onde foi localizado um papelote de pasta base de cocaína e algumas moedas.

  Como o local um já era investigado como ponto de venda de entorpecentes, os militares também adentraram a residência com o intuito de localizar outros materiais ilícitos, onde se depararam com uma adolescente que estava no sofá.
Entorpecentes e dinheiro apreendidos na casa da Suspeita
 Foto: Ass Com 17º BPM
A suspeita que havia entrado na casa estava  em um quarto ao lado da sala, deitada na cama ao lado de um bebê de colo, que posteriormente foi constatado que ainda não havia sido registrado e tinha apenas 20 dias de nascido.

 Os policiais solicitaram para que a suspeita se levantasse e realizaram uma vistoria na cama, onde encontraram ao lado da criança um papelote de substância análoga à cocaína e ainda a quantia de R$ 10,00

 Em prosseguimento as buscas no quarto, dentro do guarda-roupa da suspeita ainda foi encontrada uma sacola com outros 11 papelotes de cocaína.


Ao ser indagada a respeito do material ilícito encontrado em sua residência a mesma alegou ser usuária de drogas e que o suspeito que se evadiu, com a chegada da polícia, estava no local para também fazer uso de entorpecentes.
Foto: Aparelhos encontrados na residência de origem duvidosa/Fonte Ass Com 17 º BPM
 Na residência foram encontrados ainda uma televisão Samsung,
 um aparelho  de DVD, um carregador portátil e um celular Samsung, além de três frascos de perfumes, que foram apreendidos  com suspeita de serem de origem duvidosa.

 Diante dos fatos também foi acionado o Conselho Tutelar para que comparecesse ao local acompanhando a ocorrência, devido na residência estarem uma adolescente e um Bebê recém-nascido.


  A Suspeita que encontrava-se em regime Liberdade Monitorada, descumpriu uma determinação judicial ao portar entorpecentes em sua residência quer seja para uso ou para comércio.

 Diante dos fatos a mesma foi conduzida para Delegacia de Polícia Civil de Mirassol D´oeste, onde outras providências passaram a ser tomadas.

Postar um comentário:

0 comments:

Postagens mais visitadas

Seguir pelo email

Arquivo do blog