"Pega ladrão", larápio abandona televisor e sai em correndo após ouvir gritos de populares em M. D´oeste



"PEGA LADRÃO", LARÁPIO ABANDONA TV E SAI CORRENDO AO OUVIR GRITOS DE POPULARES, EM M. D´OESTE

 Uma estudante chegava da faculdade  e viu um ladrão  com um televisor na rua  e passou a gritar, chamando a atenção de seu pai que também gritou,  o que fez o ladrão fugir e abandonar a TV.

Foto: Sempre Família  /  Ilustração de Ladrão Diário de Quixadá ( ed Raul Valentim)
 O fato ocorreu por volta da meia-noite e meia, início da madrugada desta quinta-feira dia 20, na rua Dorvile Bassi Correia, no bairro Parque Morumbi 3, na cidade de Mirassol D´oeste.

  Através de uma ligação via 190,  um senhor relatou aos policiais de que u indivíduo abandonou  um televisor em frente à sua residência, próximo ao PSF do bairro.

Foto: Ass  Com.17 BPM
  O fato foi comunicado a uma viatura que estava realizando rondas nas ruas, que se deslocou rapidamente ao local, encontrando o referido aparelho de marca Samsung, de 50 polegadas, que estava debaixo de uma árvore.




 O solicitante comunicou os policiais que sua filha chegou  da faculdade e avistou um indivíduo trajando camiseta de cor verde com objeto grande nas costas, que ao avistá-la  se escondeu um atrás de uma árvore, momento que a mesma passou a gritar. 

Foto: Ass  Com.17 BPM
  Ao ouvir os gritos na filha o comunicante imediatamente saiu para ver o que se tratava, percebendo que era um aparelho de televisão e também passou a gritar com o indivíduo, indagando o que o mesmo estava fazendo com aquele aparelho, naquela hora da noite.


 Diante da interferência do homem o suspeito jogou um aparelho no chão e empreendeu fuga tomando rumo ignorado.


 O aparelho foi apreendido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, sendo constatado algumas avarias inclusive com a tela trincada, porém até o início da tarde desta quinta-feira, 20, ainsa não havia aparecido o proprietário do aparelho para prestar queixa do furto.
Foto: Ass  Com.17 BPM
 A polícia suspeita de que o crime tenha sido praticado  praticado em alguma empresa ou residência, onde os proprietários estejam viajando,  aproveitando o feriado prolongado  e aguardam a qualquer momento a comunicação  do furto.

Comentários