Agronegócios



 "CABELO VERMELHO" É PRESA APÓS ESFAQUEAR HOMEM DE 60 ANOS EM PROSTÍBULO DE PONTES E LACERDA



 A mulher que mora no bar, foi presa pela Polícia Civil, que no local ainda apreendeu 3 pés de maconha que a mesma cultivava  para fumar.


Foto: P.J.C.


 A Polícia Civil de Pontes Lacerda, distante a 448 Km a Oeste da Capital Cuiabá, realizou nesta quinta-feira, 3, a prisão em flagrante de uma mulher, identificada  como  B.L.F., de 19 anos,  de apelido do "Cabelo de Fogo",  acusada pela tentativa de homicídio  praticado contra N.O.S., de 60 anos.



 O crime ocorreu no bar (Kellys Bar"),  localizado no bairro Residencial Glória,  ponto de prostituição, onde a suspeita reside e também trabalha.

A suspeita  "Cabelo de fogo" tentou matar a vítima utilizando-se de uma faca, com a qual golpeou o pescoço do homem de 60 anos, após uma discussão referente a venda de bebida, conforme uma testemunha relatou aos policiais.

 A Polícia Civil iniciou os trabalhos de investigação, quando tomou conhecimento do fato, onde uma equipe se deslocou até o hospital Vale do Guaporé, onde a vítima foi socorrida e relatou como tudo ocorreu.

 A vítima informou aos policiais que a suspeita havia lhe ferido a golpes de faca na região do pescoço ,após a discussão no referido bar.

Durante as diligências os policiais se deslocaram até o bar, que também funciona como ponto de prostituição, onde se depararam com a suspeita e uma outra pessoa, sendo as mesmas conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil, para prestarem esclarecimentos e informações a respeito do fato ocorrido.


 Durante entrevista aos policiais, a suspeita a princípio negou a autoria do crime, porém a testemunha que estava contigo acabou revelando que presenciou a mesma desferindo golpes de faca contra a vítima e que posteriormente a mesma arremessou a faca utilizada para um quintal vizinho.


 A testemunha também afirmou que discussão que o terminou em tentativa de homicídio se iniciou após uma discussão referente à venda de bebida alcoólica.


 Os policiais se deslocaram até o bar. onde a suspeita também reside e com a autorização da mesma foi realizadas buscas no local. Durante a averiguação foi localizada a faca utilizada no crime e ainda a quantia de R$ 565,00, que estava escondido embaixo do colchão da suspeita, que a mesma afirmou ser de sua propriedade.
Foto: P.J.C.


  Os Policiais também encontraram três vasos contendo pés de maconha no quintal da residência, que a suspeita afirmou que era cultivado por ela para consumo próprio.


 A suspeita foi autuada em flagrante pelo crime de homicídio tentado e tráfico de drogas.

Postar um comentário:

0 comments:

Postagens mais visitadas

Seguir pelo email

Arquivo do blog