Comandante Regional fala sobre baixa de níveis da violência na área do 6º CR Oeste, Região de Fronteira





COMANDANTE REGIONAL FALA SOBRE BAIXA DE NÍVEIS DE VIOLÊNCIA NA ÁREA DO 6º CR-OESTE, REGIÃO DE FRONTEIRA




Para suprir algumas necessidades e manter a violência em níveis aceitáveis a Polícia Militar trabalha integrada com outras instituições com as ações previamente planejadas, após os estudos de dados estatísticos. 


Foto: Imagem retirada do vídeo oficial Rádio Transamérica/ Primeira Página




Na manhã desta quarta-feira dia 15 de janeiro o comandante do 6º Comando Regional da Polícia Militar, Coronel PM José Nildo Silva de Oliveira, participou de uma entrevista ao vivo com a jornalista Alexia Shumacher, na rádio Centro América em Cáceres, onde com muita propriedade respondeu alguns questionamentos a respeito da segurança pública na região da grande Cáceres, como também em outros 11 municípios subordinados a ele.

 Ouça a entrevista na íntegra

Audio e Imagem Rádio centro América - Ed F.A.
 Jornalista: Alexia Shumacher




O Coronel José Nildo, que tem sob seu comando o 6º Batalhão de Cáceres, (que atua na cidade de Cáceres e Distritos de Nova Cáceres, Caramujo e Horizonte D´oeste) e o 17º BPM, (responsável pela segurança de outras 11 cidades, com Sede em Mirassol do Oeste), numa região habitada por aproximadamente 200  mil pessoas. 




Em relação à criminalidade, que comparando os número e tipos de ocorrências registradas em 2019, comparando-se em relação a ano de 2018, constatou-se que a estatística se encontra dentro dos padrões de Mato Grosso, como também do Brasil. 



O policiamento da grande Cáceres, assim como nos outros 11 municípios sob o comando do 6º Comando Regional, seguem os mesmos padrões de parâmetros que demonstraram até a queda de algumas modalidades de crimes.



Foto: Raul Valentim

O Comandante do 6º CR falou sobre a redução dos crimes de roubo em torno de 10% e também nos homicídios, comprovados através dos números de registros de ocorrência, junto ao sistema de Segurança Pública, que envolve não só a Polícia Militar como também várias outras Instituições que atuam diretamente na segurança pública.





Ao ser questionado a respeito da violência no bairro Jardim Paraíso como também no bairro Cavalhada, em Cáceres, onde moradores até solicitaram reforço de policiamento lá, o Comandante informou o que as ações já estão sendo desencadeadas sendo baseadas nos estudos e nas discussões em busca de melhorias no campo do planejamento.

Foto: Imagem retirada do vídeo oficial Rádio Transamérica/ Primeira Página


Tais ações já estão saindo dos papéis e se transformando em operações, que conta também com a participação de outras instituições, como Exército Brasileiro, a Polícia Rodoviária Federal, a Polícia Civil, o Gefron dentre outros.



A respeito do efetivo e se haverá algum concurso para este ano, inclusive tendo o interesse de muitas pessoas que sonham em se tornarem Policiais Militares; o comandante respondeu a repórter Alexia Shumacher, que realmente a Polícia Militar, não só na região de Cáceres, como em todo o Estado de Mato Grosso necessita de reforço no efetivo.
Foto: Raul Valentim


O Comandante disse que entende que não foi implementado este reforço anteriormente, devido à situação difícil pelo qual o Estado atravessou, mas que já vislumbra para este ano a realização de novo concurso, inclusive com o ingresso desses novos policiais e para o ano de 2021 a segurança já deve receber reforço para atuar em nossa região.





Ainda quanto das ações realizadas para manter os padrões aceitáveis e a redução da criminalidade, que é o objetivo do trabalho que vem sendo realizado, o Comandante informou que o trabalho integrado das Forças de Segurança e a aplicação ações em determinados locais, previamente estudados, são dois fatores que vem dado certo, inclusive para prevenção de vários crimes.


Foto Ass Com 6º CR


Durante a entrevista ainda houve questionamento de um Ouvinte, que mandou mensagem para a Rádio, perguntando o porquê da Polícia Militar está abordando tanto as pessoas na rua.




O Coronel José Nildo por sua vez, reforçou que essas ações são realmente preventivas, e estão sendo realizadas justamente para inibir ações criminosas e que através deste trabalho muitos procurados da Justiça já foram capturados, além de drogas e armas de fogo retiradas de circulação.




Foto Ass Com 6º CR



O Comandante também fez questão de agradecer a todas as Instituições que trabalham integrados com a Polícia Militar, na região do 6º Comando Regional Oeste, em busca de um só objetivo, que é a melhoria da Segurança Pública para a população da Região de Fronteira.



O Coronel José Nildo também agradeceu o empenho da tropa sob seu comando, onde cada policial que atua, mesmo os pontos mais isolados da região, tem demonstrado total comprometimento no cumprimento das diretrizes, que vem desde o Secretário de Segurança Pública Alexandre Bustamante, como também do Comandante Geral da Polícia Militar de Mato Grosso, Coronel Assis.


Foto Ass Com 6º CR
Só no início deste ano foram 16 veículos recuperados durantes as abordagens e ações policiais e para o ano de 2020 as ações de combate à criminalidade serão mantidos, pois vêm dando um excelente resultado, onde os bens são restituídos aos seus proprietários.

Foto Ass Com 6º CR





No tipo de crime de natureza furto, no ano de 2019, os dados demostraram que se manteve no mesmo índice do ano de 2018 e  que a Policia Militar está empenhada para redução e trabalhando nesse sentido, sendo este assunto discutido no Risp Municipal.

Segundo os dados apurados pelo Comandante em Cáceres existem muitos usuários, que fomentam o furto de objetos que são trocados por drogas para alimentar o vício.


 "Como forma de tentar reduzir este número existe a perspectiva de criar em Cáceres o Centro de Recuperação, pois aqui ainda não existe", comentou o comandante. "E esse é um desejo antigo", concordou a jornalista. 







O Cel José Nildo ainda exemplificou as ações por exemplo a Força Tática, que era um grupo, e que pela importância das ações realizadas está se tronando uma Companhia, que nós estamos criando  aqui na região da Fronteira, que está atendendo não só a parte urbana, mas também a parte rural de todos os municípios do 6º CR-Oeste 
Foto Ass Com 6º CR

Outro ponto muito positivo, salientado pelo comandante,  são as ações Sociais, que ele também acha muito importante na segurança primária, como exemplo o Proerd e a Rede Cidadão, que são programas que atuam diretamente com a sociedade, principalmente com as crianças, com o objetivo de estarem fortalecendo o civismo, e os valores, que é inerente a nossa profissão que vem aí agregar e a somar para que estas pessoas tenham uma perspectiva melhor de futuro e venham a enxergar a segurança como parceira, como próxima e amiga. 

 No ano de 2019, somente em São José dos IV Marcos, 703 alunos se formaram nos cursos ministrados pelos instrutores do Proerd, todos Policiais Militares.

Foto Ass Com 6º CR



O Comandante também agradeceu a população por acreditar e continuar participando e denunciando as ocorrências, através do nosso 0800-65-3939, o Disque Denúncia da Polícia Militar.

A população pode ligar que sua identidade será preservada, mesmo que o cidadão falar seu nome, sua identificação será mantido em sigilo.



A Polícia Militar está ai fazendo seu papel, abordando, checando e trabalhando muito para levar a população o melhor serviço de segurança pública.

Comentários