Força Tática do 6º CRPM- Cáceres, recupera S-10 roubada com placas falsas.



FORÇA TÁTICA DO 6º CR PM-CÁCERES, RECUPERA S-10 ROUBADA EM CUIABÁ, COM PLACAS FALSAS.


 Uma denúncia recebida durante patrulhamento na região central, levou os policiais até uma caminhonete, que havia sido deixada estacionada na Rua Costa Marques e o suspeito saído às pressas.




Foto: Ass Com 6º CRPM-Cáceres


 Por volta das 20:30hs  deste sábado dia, 18,   Policiais Militares  do Pelotão de Força Tática de Cáceres, recuperaram mais um veículo roubado, que teria como destino final a Bolívia.


 A recuperação se deu através o trabalho preventivo, realizado  pela Equipe de Força Tática do 6º CRPM, que durante as abordagens recebeu a informação de populares, de um homem suspeito que saiu de uma caminhonete S-10.

Segundo relato de populares um homem havia deixado uma caminhonete S-10 de cor prata, estacionada próximo uma tapeçaria na rua Costa Marque, que o mesmo demostrou atitudes suspeitas saindo rapidamente do local, que poderia estar cometendo algum ato ilícito.


 Prontamente a equipe de FT se deslocou até o local, para averiguar a situação, onde o suspeito já havia saído e tomado rumo ignorado.

No local os policiais encontraram a caminhonete GM S-10, de cor prata, que através da checagem de sua placa constatou-se que  que a referida  placa estava registrada para uma caminhonete Renault Oroch.

 Durante averiguação os policiais constataram que a caminhonete estava aberta e com sua chave na ignição,  sendo que através da checagem minuciosa pelo chassi constatou-se que a mesma é produto de roubo ou furto, ocorrido em Cuiabá.


Dentro da caminhonete também foi encontrada uma chave de um veículo marca Chery,  que não foi localizado pelos policiais não sabendo se o mesmo encontra-se na região de fronteira ou apenas a chave estaria dentro da caminhonete, devido o veículo pertencer ao proprietário da caminhonete,


 Diante dos fatos os policiais ainda realizaram diligências no local porém o suspeito não foi encontrado.


 O veículo foi encaminhado para a 1ª Delegacia de DP, que dará continuidade aos trabalhos de investigação no caso.

Comentários