Latrocínio: Quadrilha é presa em RO com carros roubados de casal assassinado e jogado em Cachoeira em MT




 LATROCÍNIO; QUADRILHA É PRESA EM RO COM CARROS ROUBADOS DE CASAL ASSASSINADO E JOGADO EM CACHOEIRA EM MT



DUAS MULHERES UMA DE 19 E OUTRA DE 17 SE REVESARAM  DIRIGINDO A HILUX ROUBADA E POSTARAM O VÍDEO NA INTERNET, DURANTE A VIAGEM DE ARIPUANÃ À CACOAL, ONDE O BANDO FOI PRESO.


Foto: Comando 190 ( reprodução)


 Na manhã desta quinta-feira, 23, populares avistaram o corpo de um homem, boiando às margens da cachoeira das Andorinhas, que fica na área do complexo turístico, no bairro cidade baixa, em Aripuanã.

 A vítima foi identificada como Luiz Sérgio da Silva Lechuga de 58 anos,  que estava com as mãos e os pés amarrados e ainda amordaçado,segundo a perícia teria sido jogado no penhasco do Mirante ainda com vida.
Foto: Comando 190 ( reprodução)
 Ainda segundo a perícia o corpo de Luiz apresentava lesões, possivelmente devido a queda. 



Foto: Comando 190 ( reprodução)
 Conforme publicado pelo site Comando 190 de Rondônia, durante as diligências  realizada pelos policiais da cidade de Aripuanã distante acerca de 972 km da capital Cuiabá, descobriram que Luiz  que era agricultor,   e possuía uma propriedade rural localidade na comunidade Rio Branco.

 Segundo as informações coletadas durante as diligências a vítima teria saído de sua propriedade juntamente com sua esposa e um homem. 

 Foi constatado também que os veículos da vítima, sendo uma caminhonete Hilux de cor prata e  uma caminhonete F-1000 de cor prata e cinza também haviam sumidos da propriedade.


Foto: Comando 190 ( reprodução)


 O crime chocou toda a população da cidade de Aripuanã,  que também ajudou a polícia em busca, de encontrar a esposa do Agricultor que estava desaparecida.

 Cachoeira das andorinhas-
Imagem reproduzida do vídeo acima, onde foi encontrados os corpos

Após horas de buscas o corpo da segunda vítima também foi localizado na mesma região do Mirante, onde estava o corpo no seu esposo.

 A segunda vítima identificada como Rosinha Edileuza da Silva Lechuga, de 43 anos, sendo o corpo encontrado à beira de um penhasco do Mirante que tem Cerca de 80 metros de altura.

Vídeo: Comando 190 ( reprodução)




 Os peritos também constataram que é Rosinha apresentava lesões no crânio, que a levou a morte.

 Ainda segundo o Site Comando 190 , a prisão  de dois homens e duas mulheres ocorreram  durante as ações realizadas  pela Polícia Militar, em menos de uma hora após receberem um alerta da polícia de Mato Grosso, a respeito do latrocínio ocorrido na cidade de Aripuanã.


 Várias equipes ficaram mobilizados  sendo que uma Guarnição de Rádio Patrulha do 4º BPM de Cacoal avistou os dois veículos parados em um lavador no bairro Teixeirão.
Foto: Comando 190 ( reprodução)


 Ainda segundo informações do Site Comando 190, local foi montado uma campana e após algum tempo os policiais abordaram dois suspeitos, que foram identificados como sendo Geovane Martins da Silva, de 24 anos e Luciano Sena Aguiar, de 37 anos.
 Geovane Martins da Silva - (suspeito)
Foto: Comando 190 ( reprodução)
 Geonvane de 24 anos, era funcionário das vítimas,  que ajudou a arquitetar e executar o plano  macabro de morte contra seus patrões, para roubar os veículos, conforme informado pelo site  Comando 190.


 Ao serem indagados os Suspeitos negaram a participação no latrocínio (roubo seguido de morte), depois o suspeito de 24 anos Ex-funcionário das vítimas,  acabou confessando que havia cometido um crime e trazido os veículos para Cacoal-RO.

Ainda segundo seu relato aos Policiais militares, ele contou com a ajuda de duas amigas, para trazerem uma das caminhonetes para a cidade de Cacoal.

O outro homem preso de 37 anos disse que estava fazendo apenas um favor para seu amigo, de pegar o carro que estava no lavador e levar para um hotel da cidade.

Os policiais foram até um hotel da cidade, onde localizaram uma mulher de 19 anos e outra menor de 17 anos.
Foto: Comando 190 ( reprodução)




Foto: Comando 190 ( reprodução)
 A  suspeita de 19 anos informou aos policiais que teria sido contratada em Aripuanã pelo suspeito ( ex funcionário das vítimas), para trazer a caminhonete até a cidade de Cacoal e que ganharia a quantia de R$ 450,00 pelo serviço e em seguida a mesma convidou sua amiga adolescente para dirigir.






 Ainda conforme informado pelo Comando 190, as jovens ainda filmaram e compartilhar em redes sociais um vídeo,  dirigindo a caminhonete roubada no percurso de Aripuanã até Cacoal-RO, onde o bando foi preso.

Vídeo: Comando 190 ( reprodução)
                                               


 Os suspeitos receberam voz de prisão e a menor foi apreendida sendo todos conduzidos para a DP de Cacoal, juntamente com os veículos recuperados, onde outras providências passaram a serem tomadas 

 Fronteira Alerta com informações e imagens co site Comando 190

 Ver original: Site Comando 190 

Comentários