Agronegócios



 GAP ESTOURA MAIS UMA BOCA DE FUMO EM MIRASSOL D´OESTE


 10 porções Preparadas para venda e 5 pessoas, dentre elas  duas mulheres,  três homens sendo um deles adolescente de 16 anos, foram encaminhados para DP
 Foto: Ass Com 17º BPM/ Ed F.A.



 O grupo de apoio do 17º BPM desarticulou mais um ponto de comercialização de entorpecentes, que funcionava no bairro Jardim São Paulo em Mirassol d'Oeste.


 A ação os policiais ocorreu por volta das 23:10 hs, desta terça-feira dia 12, na Rua 3,  após várias denúncias, relatando que na residência de uma suspeita estaria ocorrendo o comércio de entorpecentes.



 Após o recebimento da denúncia os policiais passaram a realizar o policiamento. com atenções voltadas para a casa denunciada.

 Durante as diligências os policiais avistaram várias pessoas que entraram em saíram da residência, sendo que  na calçada da casa estavam sentadas duas mulheres ( uma de 19  outra de 18 anos) uma delas a suspeita denunciada anteriormente como proprietária  da residência e proprietária do ponto de comércio de drogas.


 As suspeitas foram abordadas observou-se que dentro da casa também estava outras pessoas,  sendo que nas buscas pelo local os policiais encontraram dentro  tem um buraco no muro uma sacola plástica contendo a cinco porções de pasta base de cocaína.

 Foto: Ass Com 17º BPM


 Em outro buraco no muro próximo, próximo onde as mulheres estavam sentadas, os policiais também encontraram  mais 5 porções análogas a  pasta base de cocaína e ainda R$ 34,00.



 Dentro da casa estavam dois adultos de 19 e 21 anos e um adolescente de 16 anos, sendo que um dos adultos teria se exalado, inclusive.

 O mesmo foi contido com o uso de força progressiva moderada, tendo em vista que estava na menção de partir para cima dos policiais, sendo algemado para evitar a eminente ação, preservando a integridade física dos policiais e do próprio suspeito.


As mulheres foram encaminhadas a DP onde uma gente de Segurança Pública realizou a busca pessoal nas mesmas , e naa de ilícito foi encontrado com as mesmas.

Foi solicitado a presença do Conselho Tutelar para acompanhar o caso tendo em vista a presença de um menor encontrado dentro da casa.

 Uma defensora também acompanhou a ocorrência, garantindo os direitos de seus clientes.



Postar um comentário:

0 comments:

Postagens mais visitadas

Seguir pelo email

Arquivo do blog