Jovem com filho de 1 ano na bicicleta é baleado na frente da esposa em Cáceres




 JOVEM COM FILHO DE UM ANO É BALEADO NA FRENTE DA ESPOSA EM CÁCERES


 Quando a os policiais chegaram ao local a vítima estava caída com a cabeça no colo da esposa, sendo alvejado na cabeça, braço e clavícula

Foto: ilustrativa


 Essa tentativa de homicídio ocorreu por volta das 16:15,  na rua 4 do Residencial Jardim Universitário em Cáceres,  quando um criminoso de 35 anos tentou contra a vida de um homem de 23,  que estava com o filho na  cadeirinha da bicicleta e conversando com esposa.


 A Polícia Militar foi acionada no final da tarde deste sábado dia 25, para atender uma ocorrência no bairro Jardim Universitário, em que havia um homem alvejado e caído ao solo.

De imediato uma equipe de Rádio Patrulha se deslocou para o local, encontrando a vítima caída e com a cabeça no colo da esposa e com ferimentos na cabeça, no braço e na clavícula, proveniente dos disparos causados pelo suspeito.


 Uma Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros também chegou ao local para prestar os primeiros atendimentos e encaminhando a vítima para o hospital Regional, onde na tarde de ontem mesmo passou por uma cirurgia, devido ao seu estado grave de saúde.


 Segundo relato da esposa da vítima, que testemunha o fato, ela caminhava pela rua 4 quando viu o seu esposo chegando apressado de bicicleta, carregando o filho de apenas 1 ano na cadeirinha.


O marido parou para conversar com ela e em seguida seguida também chegou um veículo Prisma de cor cinza,  onde o suspeito de 35 anos, já identificado, parou ao lado da vítima e passou a discutir com o mesmo.

 Na sequência o criminoso sacou um revólver e efetuou três disparos em direção a vítima, identificado como Samuel Pereira da Costa de 23 anos.

 A esposa da vítima intercedeu em defesa do esposo, batendo no braço do criminoso derrubando a arma interrompendo os disparos.

 Na sequência o suspeito  recolheu a arma, entrou no veículo empreendeu fuga tomando rumo ignorado.



 As primeiras investigações apontam de uma possível rixa entre os dois, que iniciou-se há cerca de dois meses atrás inclusive com ameaças  de morte feita pelo suspeito contra a vítima.

 Foram realizadas diligências porém o suspeito não foi localizado, mas a polícia trabalha com base nas informações colhidas para elucidar o caso e prender o autor dos disparos.

Comentários