Operação prende sete pessoas por envolvimento em crimes na região de Colniza



OPERAÇÃO PRENDE SETE PESSOAS POR ENVOLVIMENTO EM CRIMES NA REGIÃO DE COLNIZA


 Foto: P.J.C.

Fonte: P.J.C.
Por; Hérica Teixeira/Sesp-MT


Sete pessoas foram presas nesta quarta-feira (29.04) por envolvimento em crimes de homicídio e tráfico de drogas, no município de Colniza (1.042 km ao Norte de Cuiabá) e entorno. A ação faz parte da operação integrada “Vitae II”, deflagrada nesta manhã pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

As prisões foram pedidas à Justiça após investigações de crimes que ocorreram nos últimos meses na região. Os suspeitos foram encaminhados para a delegacia, onde prestarão depoimento e, posteriormente, serão encaminhados para a unidade prisional. A polícia não descarta que os presos estejam envolvidos em outros crimes, por isso segue com as apurações.

Além do município de Colniza, as ações repressivas e ostensivas são realizadas simultaneamente no município de Aripuanã e distritos que compõem a Região Integrada de Segurança Pública (Risp), que tem como cidade polo o município de Juína.

“É uma operação que foi planejada e está sendo executada de maneira integrada entre as forças de segurança estaduais. Com esta ação, trazemos bem-estar para a sociedade e garantimos o enfrentamento aos crimes nos municípios da região”, argumenta o comandante regional da Polícia Militar (PM-MT), tenente-coronel PM Fabio Luiz Bastos.

Já o delegado regional da Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Carlos Francisco Moraes, enfatiza que o resultado parcial da operação é fruto do empenho das forças nos quesitos investigação e serviço de inteligência.

“Nosso objetivo é conter os índices nos municípios da região. Estamos atuando no cumprimento de mandados de prisão e buscas. Até agora posso afirmar que alcançamos êxito na operação integrada”, adianta o delegado.

Participam da operação, profissionais da PM-MT, Polícia Civil, Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Sistema Penitenciário, Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) e as forças especializadas: Batalhão de Operações Especiais (Bope), Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana (Rotam), Gerência de Operações Especiais (GOE), Força Tática e Serviços de Operações Especializadas (SOE).

Os dados obtidos até o momento são parciais, pois as equipes continuam desempenhando as ações nas áreas urbana e rural dos municípios.

Comentários