Ação conjunta entre PM e PJC prende quadrilha por invadir fazenda a tiros em Cáceres


AÇÃO CONJUNTA ENTRE PM E PJC PRENDE QUADRILHA POR INVADIR FAZENDA A TIROS EM CÁCERES


Foto: PMMT



 Fonte: PMMT
Por: Greyce Lima Secom -MT


Em Cáceres, uma ação conjunta entre policiais militares e civis deteve um grupo de grileiros que invadiu uma fazenda efetuando disparos de arma de fogo e levando diversos objetos do local, na noite de terça-feira (21), na zona rural do município. Cinco homens foram presos por crimes contra a paz pública, rixa, formação de quadrilha, receptação e posse de arma de fogo e ameaça.

A polícia foi acionada pela vítima, proprietária da fazenda, que relatou que os suspeitos são grileiros e invasores que arrombam portas, dão tiros para o alto e saem levando materiais de construção, ferramentas e outros objetos das fazendas. A vítima relatou que não foi a primeira vez que o grupo invadiu sua propriedade e entra atirando contra ele, levando seus pertences.
Foto: PMMT
Na fazenda, os policiais identificaram a porta da residência com sinais de arrombamento e até uma garrafa de café quebrada na área do imóvel. Foi identificado que as pessoas ficam em dois sítios de propriedade de outro fazendeiro da região.

Durante a diligência, a polícia localizou todos os materiais e objetos subtraídos da propriedade da vítima como macacos hidráulicos, motosserra, redes de dormir, barras de ferro de roscas, tambor de plástico, plantadeira manual dentre outros objetos.

Ainda dando sequência as buscas, desta vez, em outro sítio, os policiais prenderam cinco pessoas, inclusive o dono da fazenda, todos foram reconhecidas pela vítima como autores do crime. O grupo foi preso em flagrante, todo o material levado na ação criminosa foi recuperado.


Serviço
A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

Comentários